Serviços

Criopreservação de Embriões

Entenda como funciona o processo de Criopreservação de Embriões:
Durante o processo de fertilização in vitro (FIV) são transferidos os melhores embriões para dentro do útero, mas podem existir embriões excedentes (todos os formados menos os transferidos). Eles podem ser criopreservados (congelados). Caso a gestação não aconteça na tentativa de FIV com os embriões transferidos “a fresco”, esses criopreservados podem ser descongelados sem que o casal passe por todas as etapas da FIV novamente.

Se a gestação ocorrer com a FIV, o casal pode manter os embriões congelados para posteriormente engravidar novamente, ou doar para estudo de células tronco ou até para outros casais inférteis. Após 5 anos de criopreservação, podem optar também pelo descarte dos embriões, de acordo com as novas normas do Conselho Federal de Medicina.